• Mariana Soeiro

Bronzeado saudável: saiba como cuidar da saúde enquanto conquista a marquinha!



Moramos num país onde tudo é mais colorido. Nossos verões têm a magia de banhar cada canto do mapa com um sol vibrante que, nos primeiros raios, já nos traz vontade de aproveitar o que um dia de calor tem a oferecer!


Conforme dezembro se aproxima, somos instigados cada vez mais por praias paradisíacas, belezas naturais, sombra e água fresca para aproveitar as merecidas férias.


Durante o verão, uma das tendências estéticas que têm sido atemporal é a marquinha de biquíni, decorrente de um belo bronzeado.

Muitas mulheres acabam por se expor ao sol de forma inadequada e até mesmo muito perigosa para a saúde em busca desse estilo tão cobiçado. Vamos falar mais sobre isso?


Como acontece o processo de bronzeamento?


Os raios solares do tipo A e UVA e UVB são os responsáveis pelo escurecimento da pele. O bronzeado acontece porque nosso corpo está, literalmente, tentando se proteger.

Nossos melanócitoscélulas responsáveis pela melanina, que definem nossa cor –, quando identificam a alta exposição da pele aos raios solares, passam a aumentar a produção do pigmento natural da pele numa tentativa de bloquear os efeitos nocivos da incidência solar nas regiões expostas.

Então, em teoria, para conseguir um super bronzeado, basta ficar horas sob o sol. Entretanto, essa alternativa é extremamente nociva.

O Instituto Nacional do Câncer registra por ano no Brasil cerca de 185 mil casos de câncer de pele. Esse número corresponde a 33% de todos os diagnósticos de câncer no país. Chocante, não é mesmo?

Sabendo disso, vamos aprender a conseguir a marquinha de forma saudável, cuidando de você e do seu corpo?


Vai para o sol pela primeira vez? Esfolie a pele.


Ao esfoliar o corpo, retira-se o excesso de células mortas que podem fazer com que o bronzeado fique manchado e perca a uniformidade, o que faz com que você sinta a necessidade de ficar mais tempo ao sol para “corrigir”.

Invista em produtos próprios para o corpo e curta o momento de autocuidado durante o banho! Receitinhas caseiras? Consulte antes um dermatologista!


Escolha os horários com inteligência


Não é “papo de mãe”: os raios solares incidentes das 12h às 16h são mais nocivos para a pele que os do restante do dia.

Apesar de parecer que é necessário um sol ardente para conseguir o bronzeado, isso é um mito. Opte por pegar o solzinho de antes das 10h da manhã e o de após às 16h. O resultado será o mesmo e a sua saúde será preservada.

Além disso, evite ficar horas e horas a fio tomando sol. Faça intervalos regulares, não ultrapassando o tempo de uma hora seguida sob exposição solar!


Parece básico, mas infelizmente não é: use protetor solar!


Por mais absurdo que possa soar, há quem dissemine por aí a ideia de que ficar exposto ao sol sem proteção solar é mais eficaz para conseguir o bronzeado.

Realmente é, uma vez que seu corpo está sendo bombardeado por raios perigosos e tentando desesperadamente se proteger ao liberar a melanina. O bronzeado vem mais rápido e, o câncer de pele, também.

Use protetores solares com fator de proteção acima de 60, realizando o retoque a cada duas horas ou após usar toalhas e entrar na água. Não esqueça dos lábios, pés e orelhas!


Fuja das dicas mirabolantes da internet!


Óleo de soja, azeite de oliva, óleo de girassol… Devem ficar na cozinha!

Jamais cogite a possibilidade de passar qualquer espécie de óleo no corpo antes de expor-se ao sol. Essa prática pode ocasionar queimaduras seríssimas cujo tratamento é lento e doloroso.


Alimente-se muito bem!


Invista em uma alimentação rica, viva e colorida. Além disso, dica de ouro: consuma alimentos ricos em betacaroteno!

O betacaroteno é da família dos carotenoides. Fora da linguagem técnica, significa que é uma provitamina. Em nosso corpo, age como refletor dos raios UVA e UVB e como um ótimo antioxidante.

Assim, seu consumo promove um bronzeado dourado e duradouro, evitando desbotes rápidos e manchas.

Cenoura, caqui, mamão, espinafre, batata-doce, pêssego, nectarina, couve… Vários alimentos gostosos e nutritivos que te ajudarão a conquistar a cor do verão!


Hidrate a pele


Uma pele bem hidrata reduz significativamente a descamação, de forma a manter seu bronze por muito mais tempo.

Portanto, todos os dias, hidrate todo o corpo. Não esqueça dos lugares que tendem a ser naturalmente mais ressecados, como joelhos e cotovelos.


Agora sim você está pronta para curtir o verão de forma saudável!

Aproveite!



4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

© 2020 por Mariana Soeiro.

Todos os direitos reservados.
 

Me manda um whats!

(41)99588-2400